Capa / Legislação / SITUAÇÃO ATUAL DAS NEGOCIAÇÕES COLETIVAS DE TRABALHO – FORÇA SINDICAL

SITUAÇÃO ATUAL DAS NEGOCIAÇÕES COLETIVAS DE TRABALHO – FORÇA SINDICAL

Informamos que no final do mês de dezembro tivemos nova reunião com dirigentes do Sindicato dos Metalúrgicos e como resultado saímos com um entendimento favorável ao fechamento do acordo, porém no dia seguinte recebemos a informação que voltariam atrás e não assinariam naquele momento.

Diante deste fato protocolamos no Ministério do Trabalho e Emprego um pedido para convocação de mesa redonda com o objetivo de buscarmos um consenso e a assinatura da convenção coletiva de trabalho de forma a atender os anseios das empresas do nosso setor e dos nossos empregados.

Estamos aguardando o pronunciamento do MTE sobre o agendamento.

Lembramos o Sindicato dos Metalúrgicos tem apresentado às empresas pauta de reivindicações para acordo coletivo de trabalho e reforçamos nosso pedido de união e não assinatura, transferindo para o SIAMFESP o compromisso de negociação e representação de sua Empresa.

O SIAMFESP está a disposição das empresas (associadas e não associadas) no auxílio para a comunicação com seus empregados e relacionamento com o sindicato profissional.

Solicitamos contatar o SIAMFESP caso sejam abordados pelo sindicato profissional para negociação com sua empresa.

Por fim, reforçamos que as empresas NÃO DEVEM PAGAR AS GUIAS DA TAXA NEGOCIAL (10,5%), uma vez que a Convenção Coletiva de Trabalho ainda não foi assinada. E que a contribuição assistencial, confederativa e sindical é facultativa e o desconto em folha de pagamento depende de autorização previa e expressa do empregado.

Ficamos a disposição para mais esclarecimentos.

Fonte: Assessor Tributário e Trabalhista do SIAMFESP – Celso Davi Rodrigues

2 comentários

  1. CABILAVI IND. COM. DE CABIDES LTDA. -

    O Sindicato de Metalúrgicos de Osasco, está emitindo em nome de nossa empresa, Guias de Contribuição para Treinamento, hoje tivemos a ligação de uma pessoa se passando do sindicato, questionando sobre o não pagamento da mesma, falei que até o presente momento não fora assinada a Convenção Coletiva e a mesma me questionou que a Contribuição é uma obrigação.
    Falei que estarei aguardando a assinatura da mesma e logo em seguida recebi um e-mail com um Ofício Requisitório.
    Fora que por não recolhemos a Cobrança que nos enviaram, está totalmente fora da realidade, onde os mesmos dizem está cobrando o teto sobre o recolhimento, um absurdo, pois minha folha de pagamento não justifica essa cobrança.
    Um absurdo, ou melhor, um abuso o que estão tentando fazer.

    Ricardo de Castro Oliveira Pinto

    • Olá Ricardo, boa tarde..
      Agradeço pelo contato… pode me passar seu e-mail? Vou solicitar para o Celso, assessor trabalhista e tributário para pode orientá-lo, ok?
      Desde já agradeço pelo contato!
      Comunicação Siamfesp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SIAMFESP